Just a very hot summerday in Esculca

PORTUGUÊS EM BAIXO

I am writing this in the midst of everything that is going on here in our community. It is a very hot afternoon and my daughter is having her midday nap in the house that provides a bit more coolness. But outside I can hear the workman talking, hammering stones and the cement mill turning. Finally, the surroundings of the house will be made beautiful with stones, steps and little gardens. We are so grateful for the men working on our land under the burning sun.

In the kitchen I can here that someone is cleaning up, we have a board with  all the domestic tasks well divided between eight people, including three children that are very eager to help. Another person is picking up a child from school. Before lunch we had a ‘sharing and caring’. This means that for an hour we speak out what wants to come from our hearts and what is hanging in the air. We do not want to allow that friction or tension is separating us. We all agreed that the last week had been very busy, and sometimes communication can become poor and one can get distracted very much and is not seeing the bigger picture anymore. It is great to speak this out and to make it conscious. We also spoke about the importance of meditating, something we do every day and we all see huge benefits from it in our lives. So besides so many practical things like working in the garden, building a yurt, cooking and cleaning, working on the computer, it is so important to hold the firm ground from where we want to live our live


In the month of June, we are in total with 5 adults and 5 children (age 9,8,4,1,1). We are very happy to have Arlete and her two daughters Filipa and Maria staying with us. Arlete has been very interested in the Awakened Life Project and finally she could come to spend time with members of this project in our community. The three of them sleep in the caravan just outside the house. Let me share with you more or less the schedule we have here in the summer so you can get a sense.

7h meditation

8h breakfast

9h activities like gardening, building, playing, learning, sharing

12.30 lunch and relaxing

15.30 activities

19h dinner

21h meditation

It has been very good to have this family with us because new people always bring new input and energy. Arlete is homeschooling her children and is very creative in living a more resilient lifestyle. Together with her we are organising a soap-making workshop this sunday, we still have some places left if you are interested. We have been using her soaps the last weeks and they are amazing! We are very interested to create this life together with other people, so if you feel that what I shared above resonates with you and you would like to experience it, check out our intensive program for Awakened Families and write to us. So the heat is kicking in with me and I will join my daughter for a little nap. I am looking forward to this afternoon because I am joining a local yoga class. The area in which we live is becoming more and more alive with beautiful people and projects. Maybe I can have a dip in the waterfalls after?

Hope to see you someday in Esculca!

Much Love, Lotte


Apenas um dia de Verão muito quente em Esculca

Estou a escrever isto no meio de tudo aquilo que está a acontecer na nossa comunidade. Está uma tarde muito quente e a minha filha está a fazer a sua sesta de meio do dia, na casa que providencia um pouco mais de frescura. Mas lá fora consigo ouvir os trabalhadores a falar, martelar pedras e a betoneira a trabalhar. Finalmente, as imediações da casa vão ser tornadas mais bonitas com pedras, degraus e pequenos jardins. Nós estamos muito gratos aos homens que trabalham na nossa terra debaixo do sol ardente.

Na cozinha consigo ouvir que alguém está a limpar, nós temos um quadro com todas as tarefas domésticas bem divididas entre oito pessoas, incluindo três crianças com muita vontade de ajudar. Entretanto, outra pessoa foi buscar uma criança do jardim de infância. Antes do almoço tivemos uma sessão de “partilhar e cuidar”. Isto significa que durante cerca de uma hora nós falamos aquilo que quer sair dos nossos corações e aquilo que está a pairar pelo ar. Não queremos permitir que tensão ou fricção nos separe. Todos concordamos que a última semana foi muito preenchida, que por vezes a comunicação pode ser fraca e que podemo-nos distrair e perder a perspetiva mais abrangente. É bom poder dizer tudo isto e tornar as coisas conscientes. Também falamos sobre a importância da meditação, algo que fazemos todos os dias e que nos traz enormes benefícios para as nossas vidas. Então, para além de tantas coisas práticas como trabalhar no jardim, construir uma tenda mongol, cozinhar e limpar, trabalhar no computador, é tão importante manter o solo firme sobre o qual queremos viver as nossas vidas.

Durante o mês de Julho, somos no total 5 adultos e 5 crianças (com idades 9, 8, 4, 1, 1). Estamos muito contentes por ter a Arlete e as suas duas filhas Filipa e Maria connosco. A Arlete tem estado muito interessada no Projeto Vida Desperta e finalmente conseguiu passar algum tempo com membros deste projeto na nossa comunidade. As três dormem numa caravana a poucos metros da casa. Deixem-me partilhar convosco o horário que temos aqui no Verão, para ficarem com uma ideia.

7h meditação

8h pequeno-almoço

9h atividades como jardinagem, construção, brincadeiras, aprendizagem, partilha

12:30h almoço e descanso

15:30h atividades

19h jantar

21h meditação

tem sido muito bom ter esta família, porque novas pessoas sempre trazem novas ideias e energias. A Arlete está a fazer ensino doméstico com as suas filhas e é muito criativa ao viver um estilo de vida mais resiliente. Juntamente com ela nós estamos a organizar uma oficina de elaboração de sabões para este Domingo, ainda temos alguns lugares disponíveis se estiveres interessad@. Temos usado os seus sabões nas últimas semanas e são espetaculares! Estamos muito interessados em criar esta vida juntamente com outras pessoas, por isso se sentires que aquilo que partilhei acima ressoa contigo e que gostarias de o experienciar, espreita o nosso programa intensivo para Famílias Despertas e escreve-nos.

Então, o calor está a apertar e eu vou-me juntar à minha filha para uma pequena sesta. Estou ansiosa por esta tarde, porque vou participar numa aula de ioga aqui na região. A área na qual vivemos está a tornar-se cada vez mais viva, com pessoas e projetos muito bonitos. Talvez ainda vá dar um mergulho nas cascatas depois da aula?

Espero ver-vos um dia em Esculca!

Muito Amor, Lotte

É preciso uma aldeia inteira para criar uma criança!

Há um velho ditado que diz: “É preciso uma aldeia inteira para criar uma criança!” e é bem verdade, pois essa tem sido a nossa experiência desde que a Clara nasceu! Olhando para trás e vendo o que fizemos nos últimos 4 anos, desde que o Miguel nasceu e nos mudamos para Esculca, fico impressionado com tudo aquilo que conseguimos realizar. A construção da casa, a criação do nosso projeto, a participação na criação do jardim de infância Caracol ao Sol, os trabalhos na horta, pomar e floresta, os cursos online e todos os trabalhos que garantem o nosso sustento, tudo isto foi atingido com muito esforço e alguns sacrifícios, mas sempre com uma vontade muito grande de evoluir, a todos os níveis. Mas essa evolução e progresso não aconteceu apenas “fora” de nós, temos também crescido “internamente” enquanto seres humanos, pais, filhos e amigos.

Com o nascimento da Clara, percebi de uma forma bem real que o nosso corpo também tem limites e que às vezes o mais importante é mesmo descansar, saborear o momento e estar lá a 100% para os nossos filhos. Foi por tudo isto que no ano passado quase não demos sinais de vida no site e no FB, pois quase não tivemos mãos a medir com tudo o que era preciso responder aqui em casa.


Mesmo assim, tivemos um Verão e Outono bem activos, no qual recebemos 3 famílias desde Julho a Outubro, por 3 semanas, 15 dias e um mês, respectivamente. Todas levaram daqui experiências enriquecedoras e deixaram-nos também a nós mais seguros de que o projeto que continuamos a desenvolver tem valor e que consegue responder à procura de algumas famílias. Aqui podem ler os testemunhos de uma dessas famílias, que sentimos fazem já parte da nossa própria família.

Entretanto, no Outono o Adam resolveu procurar uma nova casa e saiu da nossa comunidade. Estamos gratos pelo tempo que vivemos juntos, por tudo o que partilhamos e aprendemos e pelo seu contributo, que nos permitiu reunir melhores condições para nós e para quem nos visita e fica connosco.

No início de Novembro, recebemos a Lotte e o Floris (que já nos tinham visitado por 2 vezes) e a Isa (a sua filha apenas 1 mês mais nova que a Clara), e que vão viver connosco pelo menos por um período de 1 ano. Em breve iremos publicar um texto sobre a sua vinda.

A terminar o ano, mesmo antes do Natal, eu fiz um retiro solitário de meditação e silêncio por 1 mês, e mais recentemente a Teresa fez também um por 10 dias! Pode parecer estranho colocarmos uma pausa na “nossa vida”, mas acreditem que vale a pena parar, respirar fundo e refletir sobre quem realmente somos e porque estamos aqui, de forma a nos reencontrarmos e re-alinharmos o nosso caminho…

Por agora é tudo, mas prometemos em breve estar mais ativos no blog e refrescar todo o site, para saberem mais sobre nós e sobre o que estamos a fazer e o que pretendemos para o futuro.

Abraço amigo e até já,

Ricardo

Bem vinda Clara, meu Amor!

No passado dia 30 de Março, às 23:11h, nasceu finalmente a nossa filha Clara! Tudo correu muito bem. Ela nasceu em casa. como desejávamos, com a presença e apoio da parteira Mary Zwart, do Adam e da nossa amiga Raquel (foi tudo tão rápido, que a Cynthia e a Laura já não chegaram a tempo!). Foi um dia em que tudo, ou quase tudo, aconteceu de uma forma orgânica e muito relaxada…

12901505_10206244814061664_5938259083398933619_o

Quando o Miguel surgiu nas nossas vidas, em Dezembro de 2011, estávamos já numa fase de mudança. Na altura já nos tínhamos despedido dos nossos empregos e já andávamos à procura de um terreno no campo, para nos mudarmos e começarmos uma nova vida. Mas faltava ainda decidir o onde, quando e com quem? A vinda de um bebé traz sempre muitas mudanças e a mim principalmente trouxe-me uma maior urgência para tomar decisões e agir. Em Setembro o Miguel já vai fazer 4 anos e tenho aprendido muito com ele. Posso dizer que sou um homem bem diferente desde que ele nasceu…

Entretanto hoje, enquanto segurava a Clara no meu colo, percebi que ela também impulsionou uma transformação importante em mim. Reparei então como tem sido cada vez mais fácil para mim chamar-lhe Amor! Tem sido interessante descobrir e contemplar, como a nossa experiência em relação à Clara é de alguma forma diferente da que tivemos com o Miguel. É verdade que nos últimos 4 anos mudamos muito, por fora, mas principalmente por dentro. Olhamos a Vida com outros olhos, outra confiança e o Miguel tem também contribuído muito para isso. Mas o facto de a Clara ser menina desperta em nós outros impulsos e respostas. Para mim particularmente, há um sentido de proteção ainda mais forte, mesmo do próprio Miguel, que nem sempre percebe o quão frágil ainda é a sua mana…

12901022_10206244819261794_3656548316857349424_o

Acima de tudo sentimo-nos abençoados pelos filhos maravilhosos que temos, pelo facto de termos um menino e uma menina, e por percebermos cada vez mais que podemos aprender ainda muito mais sobre nós próprios, sobre a nossa cultura (ou seja, pela forma como a sociedade nos ensina a nos relacionarmos uns com os outros), para assim podermos proporcionar um educação mais livre e menos condicionada…

Estou-vos muito grato meus filhos, a ti Miguel por me ajudares a entrar em contacto com o meu poder de me transformar a mim e ao Mundo, e a ti Clara por me ajudares a abrir mais o meu coração e permitir-me sentir o Amor…

Com muito Amor,

Ricardo

Conversas sobre meditação no Norte!

Meditação e a Vida de Todos os Dias!

Conversas sobre a simplicidade e o potencial da meditação…

No próximo fim-de-semana, estarei a viajar pelo Norte de Portugal a partilhar a minha paixão pela meditação! Com estas conversas, pretendo desmistificar muitas das ideias que levam a maior parte das pessoas a não sentirem curiosidade pela meditação. A sua simplicidade faz com que qualquer pessoa a possa praticar, e os seus benefícios vão muito além de qualquer terapia que possamos realizar.

 
11046750_452851948198107_2830433522043760596_o

Aqui ficam as datas, os locais e os horários:

  • 20 de Janeiro (4ª-feira) às 21h – apresentação online e gratuita do curso Meditação e a Vida de Todos os Dias!
  • 21 de Janeiro (5ª-feira) às 19:30h – UBP, Porto;
  • 22 de Janeiro (6ª-feira) às 20h – Instituto AconteSer, Braga;
  • 23 de Janeiro (Sábado) às 15h/18h/20h – Flor da Laranjeira Guest House, Viana do Castelo

Se tens curiosidade em saber mais sobre meditação, aparece e traz o teu coração aberto… 

A entrada em qualquer destes eventos será por donativo!

Mais informações em www.vidaemtransição.pt ou através do email: despertaparaavida@gmail.com

Ricardo Gonçalves – Pai, biólogo de formação e co-fundador do projecto Vida em Transição. Nasci no Porto e aí vivi toda a minha vida, até ter sido pai há pouco mais de 3 anos e ter decido mudar-me para o campo, onde continuo a explorar as variadas facetas da Vida. A meditação é uma parte importante do meu dia-a-dia e contribui, juntamente com a contemplação e auto-questionamento, para o constante reconhecimento de quem sou e do meu propósito nesta vida.

Um bom ano novo, todos os dias…

O ano de 2015 foi um ano extraordinário aqui em Esculca, a vários níveis…main_logo_medium

Começamos por criar a nossa associação sem fins lucrativos Vida em Transição, com a qual pretendemos apoiar pessoas e famílias que pretendam transformar as suas vidas. A nossa transição tem sido muito mais do que uma simples mudança da cidade para o campo, baseando-se essencialmente numa busca profunda de quem somos e de como podemos por em prática o nosso propósito e as nossas características únicas…

DSC_7406

Desenvolvemos as nossas primeiras actividades abertas ao público (Fins de Semana em Transição, Férias Conscientes em Família, Workshops, Dias Abertos etc.), que não só nos permitiram aprender muito, como também criaram a oportunidade de mais pessoas e famílias experienciarem o que fazemos, e elas próprias realizarem pequenas e grandes mudanças nas suas vidas. Estas são, sem dúvida, algumas das formas através das quais queremos continuar a contribuir para a mudança que queremos ver no Mundo…

IMG_6712

Tivemos também a felicidade de ter a Ana Fonseca a viver connosco, dando um contributo fundamental para o crescimento do projecto, da casa e de muitos avanços no terreno e na horta. Foi muito bom partilhar questionamentos profundos, conhecimentos, ideias e sonhos. Para o Miguel (e para nós também) foi uma alegria ter a tua presença nas brincadeiras e nas tarefas do dia-a-dia. Estamos muito gratos por tudo aquilo que aqui deixaste e ajudaste a crescer (dentro de nós também) e desejamos que encontres o teu caminho nesta nova etapa da tua vida…

DSC_6784

O Miguel começou também em Setembro uma importante etapa do seu crescimento, a entrada para o jardim de infância Caracol ao Sol. É inspirador ver a alegria com que ele sempre quer ir para a escola (o difícil mesmo é tirá-lo de lá ao fim do dia!) e é já notório um grande salto no seu desenvolvimento. Ele quer muito fazer parte da Vida e com esta pedagogia é incentivado a ganhar confiança em si próprio, sem pressões ou demasiadas exigências. Somos afortunados por fazer parte deste projecto, que hoje já conta com muitas crianças no jardim de infância e outras tantas na primeira classe. Temos aprendido importantes lições com a pedagogia Waldorf e faz todo o sentido participar numa escola da qual os pais também fazem parte.

DSC_6244

Continuamos a aprender a viver em maior sintonia com a Natureza e os seus ritmos, aproveitando as suas dádivas em cada colheita, e saboreando as maravilhas de cada estação. A cada ano, são mais os pormenores que vemos e cresce também o entendimento que temos da Vida nos seus elaborados processos…

DSC_5929

As nossas famílias e amigos continuam a apoiar-nos incondicionalmente, de variadas formas, mas sempre com muito amor! E em Dezembro, o nosso amigo Adam Murray juntou-se a nós, por tempo indeterminado, mas em breve ele irá escrever um texto sobre esta mudança…

DSC_6129

Com tudo isto e muito mais, o ano de 2015 foi simplesmente fantástico! Mas desenganem-se se pensam que tudo foi fácil. Pelo caminho os desafios têm sido uma constante, alguns simples, outros bem mais complexos de ultrapassar, mas todos possuem em si a semente de mais um avanço na nossa evolução…

DSC_5719-Versão-2-e1422224345756

Que o novo ano continue a semear novos desafios, regados com esperança e confiança, para continuarmos a colher os frutos da entrega à nossa verdadeira essência! Votos de um bom 2016, a cada novo dia! Esperamos receber-vos por cá em breve…

Ricardo, Teresa, Miguel e Adam

A verdadeira Meditação não é um escape, mas uma prática para uma vida desperta e livre…

Quando me comecei a interessar sobre meditação, há cerca de 7 anos, não fazia bem ideia do que era! Tinha uma vaga ideia de um Buda sentado a meditar, mas desconhecia o seu propósito e todo o seu potencial. O meu primeiro contacto foi um retiro de 10 dias de meditação Vipassana em silêncio, que revelou ser muito mais do que eu esperava. Nos dias seguintes, sentia-me mais vivo e muito atento a tudo. Nunca tinha experienciado tanto foco e atenção na minha vida, era como se de repente tudo fosse muito mais intenso. Mas como não mantive a prática, aos poucos as tarefas e distrações do dia a dia foram contribuindo para o desvanecer desse estado tão real e desperto…

11046750_452851948198107_2830433522043760596_o

Entretanto, depois de conhecer o Projecto Vida Desperta e fazer um retiro de fim de semana com o Pete, apercebi-me pela primeira vez no final do retiro, de um silêncio interno na minha mente. Este silêncio era muito cativante, fez-me entrar em contacto com algo mais profundo em mim e sentir uma imensa paz. À medida que fui lendo e explorando mais sobre a meditação, que até então para mim estava associada ao Budismo, foi crescendo em mim uma ideia de que a libertação de todos os desafios e tribulações da vida iria, mais cedo ou mais tarde, requerer que eu abandonasse essa mesma vida e tudo o que possuía de material, para seguir um caminho espiritual no Oriente…

10406900_451424795007489_2843300978864794297_n

O contacto com uma perspectiva da Vida mais abrangente e positiva, daquela que a nossa sociedade e cultura nos ensina, não só me deu um forte impulso para transformar radicalmente a minha vida, como também me tem permitido aprofundar o conhecimento de quem realmente sou! A meditação para mim é hoje uma âncora, um porto seguro e um farol que alumia o meu caminho, independentemente da intensidade das intempéries que fazem parte da Vida. Quanto mais sério é o compromisso que assumo e mantenho com a meditação, mais profundo é o meu entendimento da Vida, nas suas mais variadas expressões. A sua prática regular e uma forte intenção para ver as coisas tal como elas são, ajuda-me a ver melhor o que me motiva em cada acção ou resposta, e é esta clareza que, em última instância, me permite mudar os hábitos repetidos ao longo de uma vida.

390099_311985428931761_70037156_n

Hoje, e cada vez mais, a meditação permite-me entrar em contacto com uma parte de mim que já é livre, que nunca poderá ser magoada, que não tem medo e que está e estará sempre em paz! Ao mesmo tempo, sinto cada vez mais um impulso para agir, e não fugir da Vida. Para expressar com confiança o que já sei ser real na minha experiência, sabendo ao mesmo tempo que não sou perfeito e que nunca o serei. Mas aceito cada vez mais esta eterna imperfeição, pois é o que abre espaço para uma infinita transformação e evolução…

10295522_1582865461938845_2759242040876741798_o

Estou em processo de criação de um novo curso on-line sobre meditação e auto-questionamento, para todos aqueles que, tal como eu, sentem uma sede de explorar a sua verdadeira identidade. Será indicado para pessoas com diferentes experiências e abordagens à meditação, por isso se tiverem interesse estejam atentos, pois em breve vos trarei novidades 🙂 Mas antes, irei fazer um Retiro de 10 dias de Meditação, Mindfulness e Não-Dualidade, com o Pete na Avidanja, que recomendo vivamente!

Ricardo

Um fim de semana em cheio a fazer as vindimas!

No passado fim de semana fizemos as vindimas e desta vez, toda a família participou, que é como quem diz, eu não tive desculpa por causa das obras na casa 🙂

DSC_7477

Como já é costume, foi a Teresa que assumiu o controle de todo o processo, e tanto eu como o Miguel fomos dando uma ajuda aqui e ali… Bem, o Miguel provavelmente comeu mais uvas do que as que pôs nos poceiros, mas no final a intenção é que conta 🙂

DSC_7478

Este ano contamos com a ajuda dos nossos amigos holandeses, Floris e Lotte, e soube muito bem passarmos tempo de qualidade juntos. Entre as muitas conversas, lá fomos apanhando as uvas e espremendo-as à moda antiga, sempre com boa disposição 🙂

DSC_7484

É engraçado como as nossas histórias são parecidas… Eles despediram-se, resolveram fazer uma viagem por Portugal e apaixonaram-se pelo Projeto Vida Desperta! Não sabem muito bem qual o rumo que vão dar às suas vidas, mas estão muito curiosos por o descobrir, e nós também!

DSC_7515

Foi importante para eles perceberem que nós seguimos o que o nosso coração nos dizia e que somos felizes por termos feito essa escolha. Ainda hoje o continuamos a fazer das mais variadas formas, muitas vezes sem saber muito bem qual será o resultado final. Mas ao poucos vamos percebendo na nossa experiência, que não é tanto o resultado que verdadeiramente importa, mas sim todo o caminho que percorremos nesta bela viagem que é a Vida…

 

Um dia aberto fabuloso!

No passado Sábado tivemos a casa cheia num dia aberto que foi simplesmente fabuloso!

DSC_7419

O sol esteve presente em todo o seu esplendor, mas o calor humano foi ainda mais intenso. A presença de muit@s amig@s da família ALP, bem como de voluntári@s que recentemente fizeram um retiro de 10 dias na Quinta da Mizarela, contribuiu muito para uma partilha e exploração conscientes, de uma forma de estar e viver para alguns inspiradora e que é já um contributo para a mudança que muitos de nós queremos urgentemente ver no mundo.

DSC_7385

A curiosidade, boa disposição e interesse de tod@s @s presentes, permitiu que este dia fosse muito leve e simples, lançando boas sementes em tod@s nós. Enquanto visitávamos e explicávamos as diferentes estruturas no nosso terreno (casa de banho seca e chuveiro solar, sistema de tratamento de águas residuais negras e cinzentas, sistema de produção de energia e captação de água, etc), era fácil perceber que mesmo uma transição para um meio rural, permite uma vida com uma boa parte das comodidades e confortos da vida moderna.

DSC_7406

Sempre presente em cada conversa, esteve também o nosso crescimento enquanto seres humanos, a forma como nos relacionamos entre nós e com a natureza e a forma como queremos educar os nossos filhos, no sentido de criarmos uma cultura mais consciente, que nos sirva e não nos escravize, apoiando a exploração de todo o nosso verdadeiro potencial.

Tod@s partilharam um pouco das suas histórias, sonhos e aspirações para o futuro, reconhecendo que em última instância o futuro depende de todos nós e das escolhas que fazemos em cada instante. Quanto maior responsabilidade assumirmos nas escolhas que fazemos, maior também o potencial (r)evolucionário em cada acção, pois são as acções que escolhemos fazer que constroem o mundo em que vivemos…

DSC_7456

Estamos muito grat@s a tod@s os que vieram passar o dia connosco, que nos inspiraram e se permitiram inspirar, e estamos muito curiosos por descobrir o que em conjunto iremos continuar a co-criar 🙂

Um abraço bem forte, com muito amor,

Ricardo, Teresa, Miguel e Ana

Atira o Barro à Parede! Versão 2.0

Depois do sucesso da primeira edição em 2013, este ano resolvemos repetir o programa com uma parede de xisto de 6 m de comprimento! E os participantes estiveram à altura! Entre família e amig@s, reunimos o número certo para levar a cabo tamanha tarefa, sem correr o risco de sobre-lotar o espaço disponível…

DSC_7001

 

Ao sabor de uma limonada fresquinha, ao som de música variada e animada conversa, pouco a pouco, a parede foi sendo revestida por uma generosa camada de barro (mistura de barro/areia/água), que irá dar um precioso isolamento térmico e acústico ao nosso futuro quarto. Como em tantas outras ocasiões, a energia, o carinho e a dedicação de quem nos apoia esteve sempre presente, mantendo-se indefinidamente em cada canto da nossa casa. As marcas de cada um estão bem presentes nesta parede, assim como as memórias de um dia muito bem passado…

DSC_7002

 

No final, houve ainda tempo para descontrair e saborear a visita inesperada, mas sempre deliciosa, dos manos e do sobrinho (que já começa a mostrar interesse pela música do mundo 🙂 ). Depois de um dia tão recheado e rico, prometemos lançar mais desafios semelhantes, com ou sem barro na parede, sempre com o pretexto de entre-ajuda, partilha e diversão…

DSC_7008

Gratos a tod@s pela visita e apoio, temos mais um pouco de vós na nossa casa e nos nossos corações!

Até breve 🙂

 

Projeto Vida em Transição no QUINTAL Bioshop, Porto

QUARTA FEIRA 18 DE FEVEREIRO, DAS 21H ÀS 22:30H 
 41
ENTRADA LIVRE COM INSCRIÇÃO

Local: Quintal, Rua do Rosário, 177 Porto

Inscrições e informações: tlf 222 010 008 ou por email: mail@quintalbioshop.com

Tens sentido vontade de dar o passo rumo a uma vida diferente, mais consciente, mas ainda não tiveste coragem ou não sabes como o fazer? O Ricardo, a Teresa e a Ana mudaram-se da cidade para o campo, mas não mudaram apenas a forma como vivem a vida, estão continuamente a transformar o seu modo de ser e de estar e querem partilhar com vocês a sua história.

Vamos falar sobre o nosso projecto, o que nos motiva, como queremos transformar o mundo, os eventos que vamos ter este ano e como podes participar neles.

Co-Criadores:

Teresa Leite:

Nasci no Porto, e desde pequena que acredito que a evolução é algo que deve ser constante na nossa vida e tem de ser trabalhada diariamente…mas poucas vezes dei ouvidos a esta realidade em mim. Ouvi muito mais o que me diziam, o tradicional e o esperado pelos outros e tentei viver de acordo com isso, procurando cumprir as expectativas impostas pela família e amigos. Desde que decidi viver uma vida diferente sou mais eu, procuro viver sem saber ou controlar o que está á minha volta, procuro não assumir ou ter expectativas sobre os outros, procuro viver no presente deixando de lado a nostalgia do passado e a incerteza do futuro. Procuro viver as minhas relações com o máximo de abertura e honestidade, dando sempre espaço para o que não sei sobre o outro, independentemente de estar a falar dos meus pais, amigos, companheiro, conhecidos ou desconhecidos. Hoje sou muito mais relaxada, vivo no meio da natureza com o meu marido, filho e a Ana e tento fazer apenas aquilo que me faz feliz. E todos os dias tento passar ao meu filho toda esta experiência de transformação de uma forma positiva e motivadora.

Ricardo Gonçalves:

Nasci e vivi quase toda a minha vida no Porto, onde me licenciei em Biologia e trabalhei na área da Genética. Inspirado pelo Projecto Vida Desperta, e dando corpo a uma insatisfação interior demasiado intensa, despedi-me do meu emprego e iniciei uma nova jornada de vida. No início não foi fácil ouvir o que o meu coração almejava, pois estava demasiado habituado a fazer o que era esperado de mim pela família e sociedade, mas após um período de procura e disponibilidade para a mudança, aos poucos o Universo foi-me trazendo luz neste caminho de descoberta! Hoje vivo no campo, com esposa, filho e com a Ana e aprendo todos os dias a viver uma vida mais plena, integral e consciente. Não sei o que me trará o amanhã, mas sinto-me cada vez mais confiante com o desconhecido e entrego a minha vida a uma vontade muito maior do que a minha…

Ana Soares da Fonseca:

Quem sou EU? É uma boa pergunta…Se me perguntassem esta questão há 2 anos atrás eu daria uma resposta muito rápida e cheia de certezas fixas. Descrevia-me em relação às coisas que fazia ou que tinha. No fundo o meu valor dependia de factores e aspectos exteriores. Fui criada numa família católica muito devotada mas desde cedo revoltei e tornei- me o que se pode chamar agnóstica. Após vários anos a viver de acordo com o que seria “esperado de mim” cheguei a um ponto de ruptura e sofrimento que conduziram a um “despertar” espiritual espontâneo de união e de grande alegria e positividade.  Comecei a questionar qual o verdadeiro propósito da minha vida e como podia trazer o “céu” que tinha vivido à terra. O impulso da vida levou-me a encontrar o Ricardo, a Teresa e o Miguel e, após uma experiência como voluntária, acabei por me tornar residente. Tenho um interesse particular pela educação consciente e sinto que é uma urgência mudar a forma como estamos a educar as gerações futuras. Este interesse é também partilhado pela Teresa e pelo Ricardo, o que acabou por começar a dar forma a uma visão que ambos tiveram para o terreno deles –  o que significa viver de forma consciente…o que significa trazer o “céu” à terra…em família.

Sobre o nosso projeto:

Somos um casal que se uniu com o mesmo propósito, o de evoluir todos os dias e de nos transformarmos num homem e numa mulher completos. Quando nos conhecemos não fazíamos ideia de onde poderíamos chegar e de quanto era possível transformar,  mas a verdade é que estamos onde escolhemos estar e somos cada vez mais felizes. Há 2 anos e meio tivemos o nosso primeiro filho e com ele iniciamos uma nova viagem ainda maior de consciência e aprendizagem. Em 2014, a Ana apareceu nas nossas vidas e com a sua vontade de evoluir e criar algo comum connosco, inspirou-nos a convidá-la a fundar o ‘Famílias Despertas’ em conjunto e desde então somos 4.

Contactos
Website – www.vidaemtransicao.pt
Email – avidaemtransicao@gmail.com
Morada – Lugar do Ribeiro – Sem Número
3305-181 COJA